logotipo /imagens/bandeiras/pt.gif   /imagens/bandeiras/gb.gif   /imagens/bandeiras/it.gif   /imagens/bandeiras/es.gif   /imagens/bandeiras/fr.gif
  
Slideshow Image 1 Slideshow Image 2 Slideshow Image 3 Slideshow Image 4 Slideshow Image 5 Slideshow Image 6 Slideshow Image 7 Slideshow Image 8
Apresentação
Palavra do Pároco
Palavra de Deus e revelações privadas
Aparições e revelações
Os Santos e a interpretação da Escritura
Balasar
Beata Alexandrina
História de uma Vida
Missão
Mensagem
Espiritualidade
Mística
Colóquios
Êxtases
Orações
Fátima e Balasar
Alexandrina no mundo
Processo | Glorificação
Serviços
Horários Litúrgicos
Pastoral da Mensagem da Beata Alexandrina
Serviços aos Peregrinos
Peregrinos - Estatísticas
Destaques
Capela da Santa Cruz
Cruz de Cristo
História da Capela S. Cruz
Alexandrina e a Santa Cruz
Fundação
Protocolo
Logótipo
Corpos Gerentes
Arquivo
Notícias
Temas de Reflexão
Meditar e Rezar com a Beata Alexandrina

Ano Pastoral 2016 - 2017 | Celebrações e atividades

 

SANTUÁRIO ALEXANDRINA DE BALASAR

- FÉ CONTEMPLADA - 

 

 

Ano Pastoral 2016- 2017

 

"Como Alexandrina, e com Maria,

contemplar as Maravilhas de Deus Pai"

 

Para este ano pastoral escolhemos como lema: Como Alexandrina, e com Maria, contemplar as maravilhas de Deus Pai.

Porquê este lema? Na nossa Arquidiocese de Braga, o plano pastoral convida-nos ter como fruto esperado: Fé contemplada. E Maria, Mãe de Jesus, Mãe da Igreja e Nossa Mãe, como modelo a imitar.

 

Alexandrina é um exemplo de alguém que vive a Fé contemplada. Escutemos o seu belíssimo texto, onde descreve a experiência da sua Primeira Comunhão: «Quando comunguei, estava de joelhos, apesar de pequenina, e fitei a Sagrada Hóstia que ia receber de tal maneira que me ficou tão gravada na alma, parecendo-me unir a Jesus para nunca mais me separar d’Ele. Parece que me prendeu o coração. A alegria que eu sentia era inexplicável. A todos dava a boa nova. A encarregada da minha educação levava-me a comungar diariamente».

Não se limitou a olhar a hóstia consagrada e a comungar. Sentiu e contemplou o mistério de Deus presente na Eucaristia. Ficou fascinada pela Jesus Eucaristia. Ficou unida a Jesus. Alegria inexplicável. A sua Primeira Comunhão foi uma experiência espiritual tão forte que a marcou para toda a vida.

 

O próprio Jesus se lamenta com Alexandrina: “Amar o Meu Coração, Amar-Me crucificado é bom, mas amar-Me nos Meus Sacrários, onde Me podes contemplar, não com os olhos do corpo, mas com os olhos da alma e do espírito, onde estou em Corpo, Alma e Divindade, como no Céu, escolheste o que há de mais sublime”.

“Anda para a Minha escola, aprende com o teu Jesus a amar o silêncio, a humildade, a obediência e o abandono. Anda para os Meus Sacrários. Estou sozinho, tão ofendido, tão desprezado e tão pouco visitado. Anda prostrar-te diante de Mim, pedir-me perdão pelo teu desânimo e pela tua desconfiança.»

 

Outro exemplo de Fé contemplada que Alexandrina nos oferece é a sua contemplação da natureza. Escutemos Alexandrina: «Pelos nove anos, quando me levantava cedo para ir trabalhar nos campos e quando me encontrava sozinha, punha-me a contemplar a natureza: o romper da aurora, o nascer do sol, o gorjeio das avezinhas, o murmúrio das águas entravam em mim numa contemplação profunda, que quase me esquecia de que vivia no mundo. Chegava a deter os meus passos e ficava embebida neste pensamento: o poder de Deus! E, quando me encontrava à beira-mar, oh! Como me perdia diante daquela grandeza infinita! À noite, ao contemplar o céu e as estrelas, parecia esconder-me mais ainda para admirar as belezas do Criador!”

Ano Mariano

ANO MARIANO

Imagem da Nossa Senhora do Rosário

Igreja Paroquial de Balasar

Neste Ano Pastoral vamos celebrar um ano dedicado a Nossa Senhora. A Arquidiocese de Braga, à qual pertence o Santuário da Beata Alexandrina, celebra um Ano Mariano. A nível nacional, vamos celebrar o centenário das aparições de Nossa Senhora em Fátima.

Como sabemos, a Beata Alexandrina tinha uma grande devoção e amor por Nossa Senhora, a quem chamava Mãezinha. São muitos os textos e orações onde Alexandrina exprime o seu amor à Mãezinha. De um modo particular destacamos as “Florinhas”.

Para ajudar os devotos e amigos da Beata Alexandrina a viver e celebrar este Ano Mariano, de um modo particular a Oração do Rosário, os responsáveis do Santuário resolveram publicar as Florinhas, e outras orações de Alexandrina a Nossa Senhora.

 

“Florinhas” são pequenos pensamentos e orações que Alexandrina escreveu para cada dia do mês de maio dos anos de 1935 e 1936.

Alexandrina amava e gostava muito de flores, sendo os martírios e as rosas, as suas preferidas. O jardim, numa experiência mística, aparece como símbolo da Igreja, e Jesus apresenta-se como o Jardineiro a cuidar das flores do jardim. Daí o nome de Florinhas que Alexandrina oferecia a Nossa Senhora.

Programa Pastoral

FESTAS E MEMÓRIAS

- Festa Litúrgica da Beata Alexandrina – Dias 12 e 13 de outubro

- Festa do Aniversário da Beatificação – 25 de abril

- Comemoração do seu Nascimento – 30 de março

- Aparição da Santa Cruz – 21 de junho

- Comemoração da Consagração do Mundo ao Imaculado Coração de Maria – 31 de outubro

 

SERVIÇO LITÚRGICO

 

 

SACRAMENTO DA CONFISSÃO

 

 

Programa Pastoral/Calendário

(além do calendário próprio)

Ano 2016

Início do Advento – 27 de novembro

Festa da Imaculada Conceição – 8 de dezembro

Bênção das mães grávidas – 18 de dezembro

Festa de Natal de Jesus – 25 de dezembro

Festa da Sagrada Família – 30 de dezembro

 

Ano 2017

Santa Maria Mãe de Deus – 1 de janeiro

Festa da Epifania – 8 de janeiro

Dia do doente – 12 de fevereiro

24 horas para o Senhor – 24 e 25 de março

Domingo de Ramos – 9 de abril

Tríduo Pascal – 13,14,e15 de abril

Domingo de Pascoa – 16 de abril

Domingo da Misericórdia – 23 de abril

Mês de Maio – Mês de Maria

Centenário das Aparições em Fátima – 13 de maio

Dia Internacional da Família – 15 de maio

Festa do Corpo de Deus – 15 de junho

Peregrinação dos Frágeis – 18 de junho

Festa do Senhor da Cruz – 8 e 9 de julho

Destaques
/imagens/destaques/rsz_anopastoral2016_17.jpg
Agenda
2016-2017
Ano Mariano - Fé Contemplada
30 março 2017
113º aniversário do nascimento da Beata Alexandrina
25 de abril 2017
13.º aniversário da Beatificação de Alexandrina
Localização

Ver mapa maior
ContactosMoradaHorários

Tel. Igreja: (00351) 252 951 601

Tel. Fundação: (00351) 252 951 264 

E-mail: fundacao@alexandrinadebalasar.com

Rua Alexandrina Maria da Costa, 21

4570-017 Balasar PVZ

GPS     41º 24' 17'' N    8º 37' 31'' W

 

Receção da Igreja:

segunda feira a sábado

09h00-12h30 e 14h00-18h00

domingo

09h00 às 12h45 e 14h30 às 19h00 (horário verão)

                                        ou 18h00 (horário inverno)

 

Casa da Alexandrina:

09h00-12h00 e 14h00-19h00